Clarisse Cristal a Cidadã Das Nuvens

 

 

 

 

 

(Itajaí – SC)                        

Eu prefiro frases feitas… /Adoro lê-las… E pensar que são minhas! / Dizer: – Vou te amar para todo o sempre! Usando velhos clichés. / *** Finjo ser poeta! Às vezes contista…/ Nessas horas uso velhos clichés.

Porque dizer: – Eu te amo, não é dizer bom dia! / *** Às vezes leio velhas poesias. / Mas só às vezes! E penso que são meus… / Aqueles idílios de saudade… / *** Às vezes penso ser poeta! / Na pós-modernidade liquefeita! / A usar velhos clichés! / Para poder ousar dizer: / ˗Te amo, não é bom dia!

 

Agora é oficial, Clarisse Cristal é a mais nova cidadã das nuvens, pois passou aquela manhã cinzenta e sonolenta, de outono sem sol, com a cabeça flutuando em brancas nuvens. Naquela hora de extrema dor e desespero, o pensamento de Clarisse pairava, na jovem mãe que acabara de se matricular, em uma academia de musculação, só para mulheres, era a novíssima fixação da jovem mulher naquele momento. (mais…)

Leia Mais