Uma Manhã Diferente

assinatura_1

 

 

 

 

(Rio de Janeiro – RJ)

uma-manha-diferente

No princípio era apenas uma manhã de sol ameno com uma brisa refrescante de um finalzinho do outono. O céu ao amanhecer apresentava um azul extraordinário e sem   nuvens, dando àquele quadro a claridade e a harmonia que a natureza gentilmente oferecia. Mas existia um detalhe interessante em relação a esse belo despertar. Estranhamente não se ouvia nenhum som produzido pelos pássaros, que comumente provocavam intenso alarido ao voarem em bandos à cata de alimento ou para construírem os seus ninhos.  (mais…)

Leia Mais

A Mulher Tagarela

assinatura_1

 

 

 

 

(Rio de Janeiro – RJ)

Possuía miríadbla-blaes de qualidades: bela, inteligente, culta, simpática, sensual, cheirosa e rica para ninguém botar defeitos. Uma preciosidade no meio da densa mediocridade reinante, e que arrebatava os olhares dos admiradores e invejosos onde a sua personalidade marcante fizesse presença.

Só tinha um defeito: falava demais. Ninguém conseguia conversar com ela em razão de emendar um assunto no outro, o que fazia que poucos a suportassem. Não dava para acreditar que sendo detentora de tantos atributos pecasse neste detalhe importantíssimo. (mais…)

Leia Mais

O Pesadelo

Roberto J. Fraga Moreira

(Rio de Janeiro – RJ)

A tarde estava chegando aopesadelo fim e a luz do dia cedia lugar às sombras do entardecer, conferindo ao ambiente uma tonalidade cinza que passava para o negro à medida que o sol desaparecia no horizonte. As pessoas saiam apressadas do trabalho e se dirigiam aos automóveis, ônibus e metrô num frenesi próprio dos que anseiam chegar rapidamente às suas residências.

Raul, da janela do seu escritório, situado no 30° andar de um luxuoso prédio comercial, desfrutava de uma visão privilegiada da cidade. De lá observava o burburinho do final de tarde e achava divertido toda aquela correria, como se todos estivessem fugindo de um perigo imaginário.

Sonolento com essa movimentação, não percebeu quando a secretária entrou na sala, e somente deu conta de sua presença quando ela disse:

– Passei para desejar boa-noite e indagar se o senhor pretende fazer alterações na agenda de amanhã?

Movimentando a cadeira, Raul deu com ela um giro de 180 graus, colocando-se de frente para ela, e respondeu:

– Nenhuma! Pode manter todos os compromissos. (mais…)

Leia Mais